Hortelã traz frescor e um toque saudável às refeições

Desde a antiguidade a erva também era utilizada no tratamento de enfermidades

Publicado em 10/01/2017

A Hortelã é uma erva bastante popular na preparação de sucos e chás, pois dá um toque refrescante às bebidas. Mas quando surgiu no Oriente, se espalhando pela Europa nos tempos da Grécia Antiga, as folhas serviam de matéria-prima para tratar e manter o equilíbrio da saúde.

Segundo o site da revista Saúde, desde a antiguidade, a erva auxilia no tratamento de problemas no sistema respiratório. Naquela época, a hortelã era usada na fabricação de óleos essenciais. Outro benefício é no trato intestinal. Um estudo da Universidade de Brasília encontrou na erva uma alta porcentagem de óxido de piperitenona, ativo que combate amebas e giárdias, dois parasitas intestinais.

Delícias gastronômicas

No âmbito da cozinha, suas folhas são usadas principalmente nos pratos indianos, vietnamitas, espanhois, ingleses e italianos. Além dos países do Oriente Médio e do norte da África. O seu sabor forte, picante e refrescante - in natura ou seca - dá um toque especial às refeições.

Mas é na versão fresca que o sabor e o aroma se tornam mais intensos. Faça combinações na produção de geleias, molhos de iogurte ou com legumes de sabor cítrico. Um contraste saboroso é utilizar a hortelã no preparo de pato, peru, ganso e cordeiro.

Quando o assunto é sobremesas, a erva se comporta perfeitamente bem com chocolate, frutas cítricas e licores. Porém, evite misturar a hortelã com especiarias de sabor muito marcante ou adstringente como o curry e a canela.

Foto: Divulgação